Consultório (19) 3231-1954 / 3231-2886 / 3234-9915 contato@marianazorron.com.br

Nesta seção, reunimos as perguntas mais frequentes realizadas em nossos consultório.
Veja a seguir:

A IMPORTÂNCIA DO ENDOCRINOLOGISTA PEDIÁTRICO

O QUE É A ENDOCRINOLOGIA PEDIÁTRICA?
POR QUÊ DEVO PROCURAR UM ENDOCRINOLOGISTA PEDIÁTRICO?
QUAIS AS DOENÇAS QUE O ENDOCRINOLOGISTA PEDIÁTRICO TRATA?
QUANDO DEVO PROCURAR UM ENDOCRINOLOGISTA PEDIÁTRICO?
COMO SEI SE O PROFISSIONAL QUE ESTOU PROCURANDO É REALMENTE UM ENDOCRINOLOGISTA PEDIÁTRICO?

>> SUBIR

O QUE É PESO IDEAL?

Peso ideal não é aquele tipo de modelo imposto atualmente pelas mídias, muito menos o modelo de criança rechonchuda e fofa adotado por algumas pessoas.

O peso ideal não se refere somente ao valor absoluto do peso em quilogramas, mas também tem relação com a altura e a composição corporal de cada indivíduo.

Dessa forma, não podemos ter um peso ideal igual para todas as pessoas, pois umas são mais baixas, outras mais altas, umas têm mais massa magra (músculo) e outras têm mais massa gorda (gordura).

Nenhum dos extremos (obesidade e magreza) é saudável. O ideal é acharmos um meio termo entre esses dois pontos. Existem pessoas consideradas magras socialmente, mas com uma porcentagem de gordura corporal aumentada, da mesma forma que existem crianças consideradas “gordas e bonitas” com doenças como colesterol elevado e anemia (leia nosso material sobre obesidade).

Assim sendo, o ideal é procurar por um profissional qualificado para o diagnóstico correto da enfermidade e adequado tratamento.

>> SUBIR

O QUE É UM ESTILO DE VIDA SAUDÁVEL?

Estilo de vida saudável é um conceito amplo que engloba o indivíduo como um todo, em todos os seus aspectos: físico, mental, social e espiritual.

Para se obter um estilo de vida saudável devemos nos atentar a cada um desses aspectos, tentando equilibrá-los.

Na parte física devemos nos atentar com nossa saúde como um todo, buscando prevenir as doenças e não somente tratando delas quando as mesmas surgirem. A atividade física é um bom método de prevenção, ela é importante não para o culto ao corpo que hoje em dia está na moda, mas principalmente para se ter saúde através da prevenção de doenças, como hipertensão arterial, obesidade, hipercolesterolemia, diabetes, infarto, entre outras.

Já está mais do que comprovado cientificamente os benefícios de se praticar atividade física regularmente.

A prática de atividade física regular deve fazer parte da rotina de cada indivíduo, portanto, deve-se procurar uma atividade com a qual se tenha afinidade e prazer, para que se tenha motivação e compromisso.

Essencial lembrarmos que nada em excesso é bom, dessa forma, uma prática exagerada de exercícios físicos pode levar a lesões musculares/articulares que poderão trazer consequência sérias à saúde.

A prática regular de exercícios físicos exerce benefícios tanto na esfera física quanto na psicológica. Indivíduos fisicamente ativos possuem um processamento cognitivo mais rápido.

Do ponto de vista mental é importante que a pessoa exercite seu intelecto com assuntos que acrescentem algo em sua vida. Ler livros regularmente é uma ótima maneira de exercitá-lo.

Da mesma maneira que devemos exercitar nosso corpo, também devemos “exercitar” nosso cérebro.

Finalizando, do ponto de vista social, deve-se ter amigos e família presentes. Interagir com pessoas e se preocupar também com os outros faz parte de um estilo de vida saudável.

>> SUBIR

  1. Antunes K.M.H. et al. Exercício físico e função cognitiva: uma revisão. Rev Bras Med Esporte – Vol. 12, Nº 2 – Mar/Abr, 2006.
  2. Silva, R. S. et al. Atividade física e qualidade de vida. Ciência e Saúde Coletiva – Vol. 15, No 1, p. 115-120, 2010.

ESCOVAR OU NÃO OS DENTES DO SEU BEBÊ?

A prática de usar “paninhos” e gazes para a higiene da gengiva dos bebês em aleitamento materno é contraindicada antes do aparecimento do primeiro dente, pois a limpeza pode causar a descamação da mucosa e algumas vezes até contaminação.

Quando do surgimento do primeiro dente (por volta dos 6 meses), deve-se utilizar creme dental na quantidade correspondente a um grão de arroz, em escova ou dedeira macia, depois das principais refeições: café-da-manhã, almoço e jantar.

Até os 7 anos de idade é responsabilidade dos pais a escovação dentária, após essa faixa etária pode-se deixar a criança assumir este cuidado sozinha, porém com supervisão dos responsáveis.

Lembrar que o consumo de açúcares simples (doces, refrigerantes, etc.) deve ser evitado, pois proporciona o surgimento de placa bacteriana que causa a desmineralização do esmalte e alteração da estrutura dentária.

É recomendado que a primeira visita ao odontologista pediátrico ocorra na erupção dos primeiros dentinhos e a partir daí semestralmente.

>> SUBIR

O QUE É IDADE ÓSSEA?

“Idade óssea” é um exame de imagem (raio-X) realizado para se verificar o grau de maturação do osso (“idade do osso”) em crianças/adolescentes, pois como eles se encontram em fase de crescimento é possível identificar através do raio-X a cartilagem de crescimento.

Essa cartilagem de crescimento se calcifica (“fecha”) conforme os indivíduos vão se desenvolvendo devido ao aumento dos níveis dos hormônios sexuais. Portanto esse exame auxilia no diagnóstico de diversas patologias endocrinológicas, como por exemplo a baixa estatura, uma vez que com ela permite se ter uma ideia do quanto ainda o indivíduo pode crescer.

Nem sempre a idade cronológica é compatível com a idade óssea, e isso não significa necessariamente doença.

Para uma avaliação correta é importante a consulta médica com um profissional qualificado.

>> SUBIR

Este material tem objetivo puramente informativo e não isenta a necessidade de consulta a profissional capacitado e habilitado.